5 dicas para ter sucesso em suas aplicações (Investimento para iniciantes)

null

Se você possui uma certa preocupação com o seu futuro financeiro, deseja investir os seus recursos, mas ainda não tem muito conhecimento sobre esse universo, saiba que separamos cinco dicas que podem te auxiliar. Embora não exista dinheiro fácil, há orientações úteis para que você, iniciante, tenha mais sucesso em suas aplicações.

Para ter bons resultados, é necessário entender que investir é um processo longo, que deve ser construído e analisado com calma. Mas, apesar disso o investimento é ideal para quem deseja aumentar a receita com maior segurança e facilidade, até porque demanda menos esforço e oferece menos risco, do que a abertura do próprio negócio, por exemplo.

Neste artigo, nós, da Foregon, vamos apresentar cinco dicas de investimento para iniciantes e ajudar você a se preparar para esse universo. Ficou interessado? Continue com a gente e aproveite o conteúdo.

Investimento para iniciantes: 5 dicas para ter sucesso em suas aplicações

1. Determine o seu objetivo financeiro
O primeiro passo é determinar o seu objetivo financeiro, como por exemplo: acumular R$ 10 mil até maio de 2021. Feito isso, você precisará entender o tempo que lhe resta para atingir a sua meta, deixar de gastar com produtos e serviços desnecessários e direcionar o seu dinheiro para os investimentos. Dessa forma, alcançará o seu objetivo com mais facilidade.

2. Tenha um bom planejamento financeiro
Para isso, basta fazer um levantamento dos seus gastos mensais e receitas, avaliar quais despesas poderiam ser cortadas do seu orçamento, utilizar esse dinheiro economizado para pagar as suas contas e, se sobrar, aplicar em condições que façam ele girar e, consequentemente, render.

Conte com a ajuda de ferramentas, como aplicativos e planilhas, e sempre que precisar, pesquise conteúdos sobre o assunto. Isso poderá te ajudar muito no processo de desenvolvimento de um bom planejamento financeiro.

3. Estabeleça uma meta para investir todos os meses
Ao analisar e atualizar o seu planejamento financeiro mensalmente, é possível determinar uma meta para investir todos os meses também.

Entenda, esse valor não precisa ser proporcional. Haverá meses em que você investirá uma quantia maior, porém, essa não é uma regra. O ideal é sempre adaptar as suas aplicações às suas condições e necessidades.

4. Entenda qual é o seu perfil de investidor
Um dos passos mais importantes é saber se o seu perfil de investidor é conservador, moderado, ou arrojado. A diferença entre eles está na disposição de enfrentar maiores riscos nos investimentos.

5. Diversifique os seus investimentos
Após entender o mercado e o seu perfil de investidor, busque diversificar as suas aplicações, sempre de acordo com as suas necessidades e condições. Essa é uma boa forma de se prevenir financeiramente em caso de mudanças características do mercado, principalmente quando falamos do mercado brasileiro.

via foregon

Deixe uma resposta