Já pensou em trabalhar em um cruzeiro?

O seu sonho sempre foi trabalhar em um cruzeiro? Então essa pode ser a sua chance de conseguir uma oportunidade, já que a temporada 2021/2022 já está prevista.

Isso porque o setor de cruzeiros planeja sua retomada em águas nacionais, após embarcações terem sido suspensas em função da pandemia da Covid-19. A previsão é de que a próxima temporada tenha início no segundo semestre.

Inclusive, já há um prazo mais concreto. Ela poderá começar no dia 31 de outubro de 2021 e terminar em 19 de abril de 2022. Estão previstas, por ora, sete embarcações, com aproximadamente 566 mil leitos.

Este novo número equivale a aproximadamente 36 mil a mais do que a temporada de 2019/2020.

s navios previstos para a nova temporada são:

– MSC Orchestra (3.223 leitos);
– MSC Preziosa (4.325 leitos);
– Costa Toscana (6,554 leitos);
– MSC Seaside (5.429 leitos);
– Costa Favolosa (3.800 leitos);
– MSC Sinfonia (2.679 leitos); e
– MSC Splendida (4.363 leitos).

A expectativa é que essas embarcações realizem cerca de 129 roteiros pelo Brasil, além de outros países, como Argentina e Uruguai.

Também estão previstas mais de 500 escalas em vários destinos. Entre eles, Rio de Janeiro, Santos, Salvador, Angra dos Reis, Balneário Camboriú, Búzios, Cabo Frio, Fortaleza, Ilha Grande, Ilhabela, Ilhéus, Itajaí, Maceió, Porto Belo, Recife e Ubatuba.

Dicas para trabalhar em um cruzeiro

Você sonha em trabalhar e ter a oportunidade de conhecer diversos destinos do Brasil do Mundo? Ao trabalhar em um cruzeiro, você consegue unir tudo isso!

No Brasil, há uma lei chamada Lei da Cabotagem, que abre essa oportunidade.

Ela determina que qualquer navio que navegue em águas brasileiras por um período acima de 29 dias, tenha 25% do total de sua tripulação de brasileiros.

Isso significa que em um navio com 1.200 tripulantes, 300 devem ser obrigatoriamente brasileiros caso o navio permaneça no Brasil por 30 dias ou mais.

É justamente essa lei que abre as portas para muitos que querem embarcar. E estão preparados para enfrentar os novos desafios que vêm pela frente.

O que você precisa para conseguir uma vaga?

Você quer mesmo uma vaga para trabalhar em um cruzeiro? O FinanceOne separou algumas dicas para te ajudar nessa missão. Confira!

1 – Inglês fluente
Mesmo que você só pense em fazer temporada brasileira, não há nenhuma companhia de cruzeiro no mundo que contrate sem saber falar inglês. E no mínimo intermediário-avançado.

É necessário compreender o que está sendo dito e conseguir responder. O nível de fluência, por isso, vai ser um fator decisivo caso você queira trabalhar em um cruzeiro.

Tenha em mente, portanto, que saber falar outras línguas além do inglês é um bônus. No entanto, não adianta falar alemão se não souber falar inglês.

2 – Documentos em dia
Para trabalhar em um cruzeiro também é preciso ter o passaporte em dia e de preferência com validade com o mínimo de dois ano. Também é recomendado atualizar a sua carteira de vacinação.

3 – Currículo em inglês
Você também deve ter o seu currículo atualizado e formatado em inglês. Não deve de maneira alguma enviar currículos em português para agências e/ou companhias.

Afinal, além do seu contato ser ignorado, é capaz do seu e-mail ser bloqueado para sempre.

Onde conseguir oportunidade de emprego a bordo?

Existem duas opções para trabalhar em um cruzeiro:

1 – Fazer o processo seletivo por si mesmo;
2 – Se candidatar em uma das agências que recrutam candidatos brasileiros.

No entanto, nada impede que você faça o processo seletivo de todas as companhias ao mesmo tempo.

Tenha em mente, contudo, que algumas companhias não contratam caso você já esteja ligado à uma agência e vice-versa.

Via: FinanceOne

Deixe um comentário